blog

CAMPANHA DE ORIENTAÇÃO SOBRE HIV/AIDS

Publicado em

blog

Dia 05 de agosto é o Dia Nacional da Saúde e para comemorarmos esta data, neste ano, realizamos a Campanha de Orientação e Informação sobre HIV/AIDS.

Hoje se estima que existam 33,2 milhões de pessoas infectadas no mundo pelo vírus HIV, segundo dados da Organização Mundial da Saúde – OMS/2012. Com esta preocupação, os profissionais da Academia Liv estão mobilizados a levar ao maior número de pessoas o máximo de informação a respeito deste tema e não somente no sentido da prevenção, mas também a melhor maneira da manutenção da qualidade de vida para as pessoas já infectadas. Sabemos hoje que a atividade física é uma arma poderosa contra a debilitação física e fisiológica, a depressão destes pacientes, atuando desta forma na estabilidade do sistema imunológico e por isso a necessidade de engajar todos os profissionais da Educação Física nesta luta pela vida.

Estudos Científicos Equipe Liv

O Projeto “Manutenção da Massa Magra em Pessoas Vivendo com HIV/AIDS através de Exercícios Físicos Resistidos”, teve inicio em Janeiro de 2012, na Academia Liv, a partir da iniciativa do Grupo de Estudos e Pesquisas em Atividades Físicas – GEPAF/Liv, com os professores Angela Mara Rambo e Ademir T. Souza. O principal objetivo deste Estudo é promover uma melhor qualidade de vida para esta população, visto que projeções para 2020 sugerem 100 milhões de pessoas infectadas pelo HIV. O projeto terá seu encerramento neste mês (agosto), sendo que os resultados, como: percentual de massa magra e de gordura, estarão disponíveis na segunda quinzena de setembro na Academia Liv.

Já no primeiro mês de atividades, os participantes voluntários da pesquisa nos relataram uma melhor mobilidade nas atividades diárias, assim como maior força muscular, diminuição de dores musculares e melhora da postura, bem como consciência corporal e consequentemente, da coordenação motora.

Equipe GEPAF/G1

Academia Liv

CUIDANDO DO SEU SISTEMA IMUNOLÓGICO
Para as pessoas que vivem com HIV HIV/AIDS, a alimentação deve ser balanceada e adequada às necessidades de cada um, assim, melhora os níveis de T-CD4 (células de defesa), melhora a absorção intestinal, diminuindo os problemas provocados pela diarréia, Síndrome da Lipodistrofia e todos os outros sintomas, que podem ser minimizados ou mesmo revertidos.
Vários fatores prejudicam as defesas de nosso corpo, como a alimentação inadequada, estresse, excesso de álcool, fumo e drogas, por exemplo. Mas, através de uma alimentação saudável o organismo reage melhor às infecções, pois há um fortalecimento do sistema imunológico.
Cuidados para fortalecer as defesas do organismo

• É importante a quantidade ideal para cada indivíduo, qualidade e variedade alimentar para manter a boa saúde.
• Evite a monotonia alimentar. Quanto maior for a variedade de alimentos (principalmente vegetais), maior será o consumo de vitaminas e minerais.
• Procure consumir alimentos integrais, naturais, como as frutas, hortaliças, use como tempero a cebola, o alho, e não se esqueça da aveia, gérmen de trigo, nozes e castanhas.
• Consuma a maior variedade possível de grãos como soja, feijão, ervilha, lentilha, grão de bico e etc.
• Modere o sal, açúcar e doces em geral, refrigerantes, frituras, salgadinhos, banha e toucinho.
• Procure comer mais carnes brancas, como peixes e aves, de preferência sem pele.
• Procure consumir mais alimentos in natura e “feitos em casa”. Evite alimentos industrializados.
• Beba no mínimo 2 litros de água.
• Lave as mãos com água e sabão, principalmente antes do preparo dos alimentos e antes das refeições. É uma medida simples que evita muitas doenças.
• Procure dormir bem. O sono é vital para repor suas energias.
• Movimente-se! Pratique alguma atividade física. Procure alguma atividade que lhe dê prazer.
• Lembre-se que estes cuidados são aliados, contribuindo para melhorar a imunidade e qualidade de vida.

Priscila Milan

Nutricionista

CRN-8 4605

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>